bianca-ad-hd
Banner-Web-Portal-O-Corupaense-640x167

Floriani Equipamentos para Escritorio=

Fonte: Diário da Jaraguá

 

Na sessão desta terça-feira (19), na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul, um dos assuntos que gerou uma certa discussão foi em relação aos gastos do setor legislativo no estado. Foi enaltecido o fato de a Câmara de Jaraguá ter, proporcionalmente, um dos menores gastos entre as cidades com o mesmo número de habitantes. Os vereadores analisaram uma reportagem feita no município de Blumenau sobre os municípios que mais gastam o dinheiro público com o legislativo. Florianópolis, Joinville, Itajaí, Blumenau e Palhoça, são os cinco colégios eleitorais mais gastadores, somando R$ 164 milhões por ano, com dados de 2017. O vereador Anderson Kassner apresentou um balanço dos gastos dos municípios, destacando a economia feita pelo legislativo Jaraguaense. O vereador Pedro Garcia lamentou que foi evidenciado na reportagem, apenas os municípios que mais gastam e não citando exemplos de economia como a Câmara de Jaraguá. Já o vereador Ademar Winter, ao comparar os gastos da Câmara de Palhoça e Jaraguá, trouxe à tona a questão do aumento de vagas na Câmara, sugerindo inclusive aumentar para 17 o número de cadeiras no legislativo.

Banner-Web-Portal-O-Corupaense-640x167